Scrapbook – A arte de guardar recordações!

Olá pessoal, acredito que tenham percebido o menu Scrap lá em cima… rsrsrs

Ele será dedicado a essa arte que eu conheci no começo desse ano e amo muito. Em Julho, fui a Mega Artesanal,  feira dedicada a todo tipo de artesanatado, tudo o que você imaginar sobre novas técnicas e artesanato em geral tinha lá, mas o Scrapbook teve seu espaço reservado em muitos stands. Lá aprendi muito, conheci muitas pessoas que mostraram ainda mais a maravilha dessa arte, e o amor só cresce.🙂

Mas nem todo mundo sabe exatamente o que é e o que se faz, por isso hoje resolvi fazer um post explicando pra vocês, está um pouco longo, mas é pra não ficar nenhuma dúvida Ok!😉

Os primeiros registros encontrados desta arte é da Era Vitoriana. O nome scrapbook tem origem na palavra scrap (do inglês = sucatear, digamos que reaproveitar/reutilizar) e remete aos primeiros trabalhos que eram feitos com pedaços de tecidos e papéis decorados, colados nas páginas de um livro, caderno ou álbum. Nesses álbuns, as pessoas anotavam viagens feitas, amores escondidos, espetáculos assistidos, ou seja, os momentos que por elas eram vividos. Para dar mais vida a esses registros, ilustravam com tickets, papéis, tecidos, rótulos e o que mais encontravam e queriam deixar como lembranças.

Quando a fotografia foi inventada, em 1839, as pessoas passaram a guardá-las como recordação, inclusive dentro desses cadernos e álbuns de memórias. E foi assim que iniciou-se o processo que conhecemos hoje.

Com a modernização do processo fotográfico, as câmeras, filmes e revelação, passaram a ser mais acessíveis a um maior número de pessoas. Com isso, a quantidade de álbuns de fotografia aumentaram consideravelmente. A diferença entre os primeiros álbuns de scrapbook e os de hoje, são as fotos. Atualmente as fotografias são os elementos principais de um álbum, ao contrário do que foi um dia, os textos e enfeites tornaram-se complementos do cenário da foto.

Scrapbooking é a arte de juntar fotos e recordações em um álbum, de maneira criativa, preservando memórias, fatos e perpetuando as histórias. Personalizando as páginas e fazendo com que os momentos fotografados tornem-se ainda mais especiais. Podemos utilizar essa técnica para várias peças, como marcadores de livros, porta-retratos, agendas, calendários, capas de cadernos, cartões entre outras coisas. E onde a criatividade mandar! KKKK Este hobby  possui muitos adeptos, só nos Estados Unidos se estima que existam mais de 25 milhões de entusiastas. No Brasil eu não consegui localizar registros.

Fato interessante: Um dos mais conhecidos exemplos foi o de Thomas Jefferson,o presidente guardou e reuniu recortes de jornais e revistas durante o período que durou seu mandato na Casa Branca (18011809), muitas pessoas se tornaram adeptos desse estilo, e neste mesmo período, começaram a criar scrapbooks mais elaborados.

Espero que gostem e utilizem o que eu mostrar pra vocês, será com muito amor e carinho.

Segue algumas imagens do que se pode fazer com o Scrapbook.  Depois vou criar algumas coisas e ir mostrando, voltem sempre!

Fonte história aqui e aqui.

Fonte das fotos: aqui, aqui e aqui.

Se inspiraram em guardar as recordações dessa forma também? Espero que sim!

Beijos!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s